domingo, 7 de maio de 2017

Eu bem disse que era por aqui

O que fiz por mim fiz por ti também.
O que fiz por ti fiz por mim também.
O que fiz tão bem fiz tão bem por mim.
O que fiz por fim fiz como faz a mãe.
O que faço agora é só o que me dá vontade.
O que fiz outrora nem sempre farei depois.
O que os que não gostam gostam é-me indiferente.
O que os que amam amam é o único caminho… e o único caminho é ir em frente.
E se o mal que fiz foi para fazer o bem… não tem mal.
E olho por mim como cuido dos outros.
E abraço-me com ou sem companhia.
E luto sem forças para as voltar a ter.
E duro como um mármore tão liso que faz escorregar tudo o que é podre.
E não estarei sempre certa, mas estou certa de que quis estar… e isso chega-me.
Chega-me para saber que não preciso de dar explicações.
Chega-me para saber que não preciso de receber explicações porque sei exactamente por onde é. E se não o soubesse ninguém o poderia saber antes de mim. O que é bom para mim é o mesmo que é bom para quem de mim gosta… e isso basta-me… e isso sobra… e isso chega. Chega! Cheguei. Chegámos. Eu bem disse que era por aqui.

Texto do livro "vai mudar a tua vida" de João Negreiros


Sem comentários:

Publicar um comentário